Conhecimento >

Serviço de estudos (SEPPS)

Colaborações institucionais

O SEPPS colabora com um total de 37 organizações, redes e sociedades científicas na Catalunha (14), Espanha (7), Europa (6) e América (10).

Universidade Pompeu Fabra: Mestrado em Sáude Pública

  • Mestrado Em Saúde Pública Da Universidade Pompeu Fabra
  • Bolsistas
    Ana M. Vélez (Colombia); Claudia Ortiz (Colombia); Josep M. Colomé (Cataluña); Sina Waibel (Austria); Diana Toledo (Perú); Paola Beltrán (Venezuela); Edgar Maydan (Bolivia); Mª José Letelier Ruiz (Chile); Marco Cornejo Ovalle (Chile); Renata Gusmão (Brasil); Jorge Becaria (Colombia); Mariam Montes de Oca (República Dominicana); Rebeca Terraza (Cataluña); Diana Henao (Colombia); Vladimir Pizarro (Chile); Mª Ángeles Pons (Islas Baleares)

Universidade mayor do chile

Em 2005 foi estabelecido um convênio de colaboração com a Universidade Autônoma de Barcelona para o desenvolvimento de iniciativas de colaboração no campo científico, com o objetivo de somar esforços e alcanças um maior grau de eficiência e eficácia em seus respectivos âmbitos.
Dentro deste convênio se desenvolvem diversas atividades conjuntas de pesquisa e de docência.

Universidad Mayor de Chile

O CSC tem um convênio de colaboração institucional, acadêmica e científica com a Universidade Mayor do Chile. Durante o ano de 2009 o SEPPS participou na docência de um módulo de investigação qualitativa no Mestrado de Saúde Pública nesta Universidade.

Participam em redes de pesquisas internacionais/ nacionais.

  • OMS
    O SEPPS colabora com a OMS EURO em temas de coordenação e integração assistencial no âmbito do programa Health 2020, firmado pelos 53 estados membros da região europeia da OMS e tem como objetivo geral melhorar a saúde e o bem- estar da população, reduzir as desigualdades em saúde, reforçar a saúde pública e assegurar sistemas de saúde que sejam universais, igualitários, sustentáveis e de alta qualidade e centrados nas pessoas.
  • Comissão Europeia
    O grupo GAIA colabora nos Compromissos dos Planos de Atuação da Associação Europeia para a Inovação sobre o Envelhecimento Ativo e Saudável: "Aproximação integral para compreender e medir a integração assistencial e para implementar intervenções".
    Uma boa parte da investigação desenvolvida no SEPPS é financiada com recursos europeus do programa no âmbito de investigação (FP7).
  • Rede de Investigação em Imigração e Saúde, CIBERESP
    Desde 2011 o SEPPS colabora no subprograma de imigração desenvolvido no âmbito do CIBERESP, que foi criado com o objetivo de unir experiências e esforços em investigação e que reúne 14 grupos de pesquisa.
  • Red IDESAL
    Membro da rede de Pesquisa, Docência e Extensão em Saúde para a América Latina, na qual participam instituições e indivíduos interessados no desenvolvimento de sistemas públicos de saúde na América Latina, que agrupa 8 instituições científicas de 8 países latino-americanos e conta com a colaboração europeia do SEPPS e do Instituto de Medicina Tropical (Bélgica).

Pais das instituições com as quais colabora:

América

  • Organització Panamericana de la Salut (OPS)
  • Red de Investigación, Docencia y Extensión en Salud para América Latina (Red IDESAL)
  • Universidad de Chile (Xile)
  • Universidad Mayor de Chile
  • Universidad del Rosario (Colòmbia)
  • Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira (Brasil)
  • Universidad de Pernambuco (Brasil)
  • Universidad Veracruzana (Mèxic)
  • Universidad Nacional de Rosario (Argentina)
  • Universidad de la República (Uruguay)

Europa

  • Organització Mundial de la Salut (OMS)
  • European Public Health Association (EUPHA)
  • Universitat Bielefeld (Alemanya)
  • Prince Leopold Institute of Tropical Medicine (ITM; Bèlgica)
  • Comissió Europea
  • Grup d'Acció B3 d'integració de la atenció (DG Sanco, CE)

Espanha

  • Sociedad Española de Salud Pública y Administración Sanitaria (SESPAS)
  • Consorcio de Investigación Biomédica en Red de Epidemiología y Salud Pública (CIBERESP) subprograma d'immigració i salut, que reuneix 15 grup de recerca de l'Estat Espanyol.
  • Escuela Nacional de Sanidad
  • Instituto de Salud Carlos III
  • Universidad de Alicante
  • Servicio de Epidemiología de la Consejería General de Salud Pública de la Región de Murcia
  • Universidad de Sevilla
  • Escuela Andaluza de Salud Pública

Catalunha e Espanha

  • Agència de Salut Pública de Barcelona
  • Institut Català de la Salut (ICS)
  • Universitat Pompeu Fabra (UPF)
  • Universitat Autònoma de Barcelona (UAB)
  • Universitat de Barcelona (UB)
  • Consorci Sanitari de Terrassa
  • Consorci Sanitari del Garraf
  • Fundació Salut Empordà
  • Serveis de Salut Integrats Baix Empordà (SSIBE)
  • Badalona Serveis Assistencials (BSA)
  • Grup SAGESSA
  • Consorci Hospitalari de Vic
  • PAMEM
  • Parc de Salut Mar